Notícias
Notícias sobre as soluções financeira

Poupar em 2021 - é possível?

Publicado em 12 março 2021 à 10:00
Poupar em 2021 - é possível?

Poupar nem sempre é fácil e, num ano com as caraterísticas de 2021, conseguir fazer uma poupança pode ser ainda mais complexo. Saiba se é possível poupar em 2021 e como pode fazê-lo.

É sempre complicado estabelecer um plano (e um pensamento) que promova a poupança. Ainda assim, em tempos de crise, fazer um plano e cumpri-lo pode ser ainda mais complexo.

Pensar uma estratégia de poupança, no entanto, é sempre possível e, com uma dose correta de motivação, disciplina e persistência, conquistar os resultados pretendidos torna-se, também, exequível.

Perante as dificuldades que atualmente se manifestam na economia das famílias portuguesas, garantir a estabilidade financeira torna-se ainda mais importante, para garantir que todas as obrigações são cumpridas, sem que atrase o pagamento das suas contas ou do seu crédito ou tenha de contratar um novo crédito para saldar dívidas.

Venha compreender como pode fazer face aos desafios da economia atual e poupar em 2021.

1. Faça um plano

Fazer um plano é sempre o primeiro passo para a poupança. Este plano deverá delinear os objetivos e estabelecer prazos para o cumprimento de metas.

Pode integrar várias estratégias, de forma gradual, para garantir que consegue pôr algum dinheiro de lado.

2. Consolide os créditos

Caso tenha mais do que um crédito, uma boa forma de poupar nos seus pagamentos mensais será transformar os diversos créditos num único crédito consolidado.

A consolidação de créditos permite, por norma, uma melhor organização financeira, ao mesmo tempo que reduz o valor mensal dos seus pagamentos.

3. Reserve uma parte do salário

Se conseguir reservar uma percentagem fixa do seu salário numa conta poupança, ao final de alguns meses já terá uma poupança útil que pode servir-lhe em caso de necessidade.

Ainda que não consiga colocar de lado o valor recomendado (20%), procure colocar de lado uma parte do valor (por exemplo, 10%). Por pouco que seja, isto ajudará a melhorar o seu orçamento familiar.

4. Crie uma consciência familiar

Poupar é mais simples quando todos dão o seu contributo para que assim seja. A criação de uma consciência familiar sobre esta questão pode ser bastante útil, por isso, para reduzir despesas.

Seja sobre desligar as luzes, evitar extravagâncias ou tomar banhos mais curtos, a verdade é que pequenas ações poderão contribuir para que poupe mais.

Simulação gratuita
Projecto
Créditos a decorrer