Notícias
Notícias sobre as soluções financeira

Preço da eletricidade pode baixar em 2018

Publicado em 9 novembro 2017 à 10:00

Todos sabemos que nos dias que correm a qualidade de vida que temos, exige que dispendamos muito do nosso "pouco" dinheiro no final do mês. São várias as contas que temos de pagar, a eletricidade, a água, o gás, temos o crédito do carro, a renda da casa, etc.

Torna-se difícil de suportar todas as despesas e, quando sabemos que alguma coisa que pagamos vai baixar o preço ficamos um pouco mais felizes... como é o caso da eletricidade, que pode baixar a partir de 2018.

Em 18 anos, é a primeira vez que baixa. A percentagem da redução é de 0.2% no próximo ano, sendo um valor muito simbólico, ou seja, aproximadamente 0,09€ a menos na fatura mensal.

Como o valor a ser reduzido é muito pequeno, as pessoas continuam com dificuldades em fazer face às despesas. Por isso e, para isso, servem os créditos consolidados. Apesar de, hoje em dia, muitas serem as pessoas que ainda não sabem qual é a diferença entre um crédito e um crédito consolidado.

Um crédito consolidado é uma solução apresentada por financeiras e bancos com o objetivo de juntar vários créditos num só. Surgiu como forma de ajudar as famílias e as pessoas singulares a fazer uma melhor gestão dos seus créditos, englobando todos os créditos ou, pelo menos, uma boa parte deles.

Com o passar dos anos e, também, com a crise financeira que começou a surgir, as famílias foram fazendo um crédito, depois dois, três, etc. começando a ficar numa situação cada vez mais complicada. Daí, a ter como solução o crédito consolidado para pagar apenas uma prestação que englobe todas as outras.