Notícias
Notícias sobre as soluções financeira

Seguro ou plano de saude: Saiba as diferenças

Publicado em 22 dezembro 2020 à 10:00
Seguro ou plano de saude: Saiba as diferenças

Muitas pessoas questionam qual a diferença entre um plano de saúde e um seguro de saúde. Venha compreender esta diferença e saber as vantagens e desvantagens de cada um.

A economia das famílias portuguesas motiva muitas questões distintas. O cenário atual faz com que estes agregados, muitas vezes sobrecarregados com o pagamento das despesas quotidianas, do crédito à habitação, do crédito automóvel ou de um crédito pessoal, comecem a buscar alternativas de poupança.

Se, no que respeita aos créditos, uma boa solução é a sua junção num único crédito consolidado, no que se refere à saúde existe também a necessidade de avaliar as possibilidades para perceber como minorar os gastos.

Perante isto, uma das questões mais comuns das famílias portuguesas prende-se com a diferença entre um seguro de saúde e um plano de saúde. Venha compreender a diferença.

As diferenças entre um seguro de saúde e um plano de saúde

O reembolso das despesas com a saúde é a principal diferença entre estes dois conceitos.

Com um serviço mais abrangente, o seguro de saúde costuma incluir despesas por assistência médica domiciliária, consultas de especialidade, partos, internamentos, transporte em veículo de emergência ou assistência a doenças graves. Com este, o segurado paga quantias menores de cada tratamento e consulta realizado, cabendo à seguradora o pagamento do remanescente.

O plano de saúde, por sua vez, costuma incluir assistência médica domiciliária, consulta, transporte em ambulância ou exames e tratamentos com desconto. Este conta com um valor de pagamento pago pelo subscritor mensalmente ou anualmente e permite que o seu usuário tenha descontos em várias instituições de saúde.

Seguro de saúde e um plano de saúde: qual a melhor opção?

A escolha entre o plano de saúde e o seguro de saúde depende muito das circunstâncias e das intenções de quem contrata o serviço.

Um seguro de saúde será ideal, por exemplo, para famílias com filhos ou que desejem ter filhos e que pretendam recorrer aos serviços de medicina privada. Também será a melhor escolha caso realize muitos exames de especialidade e caso tenha alguma flexibilidade económica, que permita a sua aquisição.

Para quem tem menos possibilidades financeiras, ainda assim, o plano de saúde pode ser uma opção viável. Com um menor investimento inicial, este irá permitir o acesso a consultas de rotina na medicina particular e também a consultas de especialidade, por valores mais acessíveis.

Simulação gratuita
Projecto
Créditos a decorrer