Notícias
Notícias sobre as soluções financeira

Crédito ao consumo disparou em Fevereiro

Publicado em 5 maio 2022 à 10:00
Crédito ao consumo disparou em Fevereiro

O mês de fevereiro marcou uma corrida ao crédito de consumo com os bancos portugueses a emprestar 624 milhões de euros durante este período. Trata-se de um incremento de 16.4% em relação ao mês anterior e de 61.2% em relação a fevereiro de 2021. Os dados foram divulgados pelo Banco de Portugal e representam a soma dos créditos pessoais, automóveis e de cartões, linhas de crédito e descoberto.

O montante referente a crédito pessoal representa cerca de metade do total de dinheiro emprestado, já que os portugueses receberam 313 milhões de euros para fazer face a despesas com saúde, educação ou, por exemplo, energia. Este valor significa uma subida de 20.3% face ao mês transato. Por seu turno, o crédito automóvel cifra-se nos 214 milhões de euros e teve um aumento de 14.9% em relação a janeiro. Os empréstimos para cartões e linhas de crédito sofreram um aumento de 8.5% com os portugueses a receberem 97 milhões de euros para este propósito.

Durante o mês de fevereiro, também os empréstimos para a habitação tiveram um aumento para os 1.275 milhões de euros, um valor bem superior aos 999 milhões de fevereiro de 2021. Os empréstimos das empresas são os únicos em contra ciclo, assistindo-se a um decréscimo enorme dos 2.330 milhões de euros emprestados em fevereiro de 2021 para os 1.343 milhões deste ano. O contexto de pandemia e o desaparecimento das restrições explicam a diferença de valores.

Tendo em conta o número crescente de créditos e a acumulação de empréstimos de diversas categorias, a opção por um crédito consolidado torna-se bastante popular. Esta ferramenta financeira permite fazer uma fusão de todos os créditos, obtendo uma poupança no valor final despendido para regularizar a totalidade dos empréstimos. A concentração de todos os empréstimos na mesma instituição também é benéfica em termos de burocracia.

Simulação gratuita
Projecto
Créditos a decorrer