Notícias
Notícias sobre as soluções financeira

Isenção parcial de IRS para jovens nos dois primeiros anos de trabalho

Publicado em 30 dezembro 2019 à 10:00
Isenção parcial de IRS para jovens nos dois primeiros anos de trabalho

 O novo orçamento de estado propõe a isenção parcial de IRS para os jovens nos dois primeiros anos de carreira. Venha saber mais sobre esta questão.

Ao longo dos últimos anos, a situação dos jovens em Portugal não tem sido simples. Passada uma fase de crise, onde os índices de desemprego foram acrescidos, muitos jovens acabaram por atrasar o começo das suas vidas profissionais e da sua independência.

Arranjando emprego, as prioridades destes jovens são, por isso, hoje, a construção de uma vida adulta, com acesso aos essenciais: casa, transporte, eletrodomésticos, serviços ou mesmo material que possibilite a realização da sua atividade profissional. Para suportarem este tipo de despesa são muitos os que adquirem um crédito habitação, um crédito automóvel ou um crédito pessoal; ou que optam, em vez disto pelo mais económico crédito consolidado.

Nesta fase da vida, todas as poupanças são importantes para os jovens. O começo de vida implica, por isso, um estudo das melhores alternativas para poupar algum dinheiro e permitir uma vida mais digna.

O governo de António Costa propôs, no mais recente Orçamento de Estado (OE), algo que visa as necessidades destes jovens, criando uma isenção de 30% para jovens entre os 18 e os 26 anos, nos seus primeiros anos de trabalho.

Quais são as alterações ?

O OE para 2020 propõe que nos dois primeiros anos de trabalho os jovens possam pagar menos IRS, sendo-lhes atribuído um desconto de 20% sobre os rendimentos auferidos no primeiro ano de carreira, e 10% sobre os rendimentos obtidos no segundo.

A quem se destinam estas alterações ?

Esta mudança é aplicável aos jovens que terminem o seu ciclo de estudos a partir do ano 2020, quando o OE entra em vigor.

É ainda aplicável a todos os que recebem rendimentos iguais ou inferiores ao quarto escalão de rendimentos (fixado em 25.075 euros) e que tenham entre 18 e 26 anos de idade.

Simulação gratuita
Projecto
Créditos a decorrer