Notícias
Notícias sobre as soluções financeira

Vantagens e desvantagens dos carros híbridos

Publicado em 19 setembro 2019 à 11:00
Vantagens e desvantagens dos carros híbridos

Os carros híbridos são cada vez mais falados. Mas, afinal, quais são as vantagens e desvantagens dos carros híbridos ? Venha descobrir.

A compra de um carro é um momento importante para a família mas, ainda assim, exige que se pense em vários fatores. Além de saber as caraterísticas dos veículos no mercado; é ainda preciso avaliar cada crédito automóvel, para garantir a poupança ou, caso já tenha um crédito, ponderar as vantagens de aglomerá-los num só crédito consolidado.

Os veículos híbridos são os que locomovem usando dois tipos de energia, encontrando-se entre os tradicionais (movidos a combustível fóssil) e os elétricos. Esta poderá ser uma boa opção para algumas pessoas que desejam aproveitar os incentivos fiscais e poupar o meio ambiente. Ainda assim, é sempre bom, antes de pedir o crédito automóvel ou de avançar para qualquer compra, saber também quais as vantagens e desvantagens associadas as opções disponíveis.

Assim, se está a pensar comprar carro, venha descobrir mais sobre os carros híbridos.

Vantagens dos carros híbridos

Entre as vantagens dos carros híbridos encontramos as seguintes:

Tem dois motores: estes carros têm um motor elétrico e um motor de combustão, que garantem maior poupança e segurança.

Consumo mais baixo: uma vez que intercala entre o motor de combustão e o elétrico, estes veículos acabam por ajudar a poupar em combustível.

Boa potência: também por ter dois motores, estes veículos têm uma boa potência, chegando a atingir os 200 cavalos.

Bom para o ambiente: por ter emissões mais baixas de CO2, estes carros têm um menor impacto ambiental.

Benefícios fiscais: Além da redução no ISV (no valor de 563 euros para carros híbridos novos), estes têm também um menor IUC.

Desvantagens dos carros híbridos

Preço mais elevado: o valor inicial dos carros híbridos é, por norma, superior ao dos convencionais.

Maiores custos de manutenção: por terem novos componentes, o custo de manutenção pode ser aumentado.

Potencial substituição de baterias: as baterias destes automóveis precisam de ser recarregadas mais vezes e, por isso, também substituídas com mais frequência. Isto tem um impacto económico e ambiental, já que as baterias não são reutilizáveis e são, também, agentes poluentes.